sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Porque isso me faz bem

Sabe, um dos meus problemas em publicar meus textos, é que eu não saberia a reação das pessoas. Tenho tantas idéias na minha cabeça, tantas. E sei que as minhas são bem diferentes das da maioria. E sei também que...onde está o senso de interpretação desse povo ?  Enfim, acho que é um preço a pagar, eu preciso me expressar, preciso mesmo, sempre precisei, e cada vez que tenho que reprimir uma opinião por que a maioria não ia gostar/entender, eu morro mais um pouquinho. O meu basta já foi dado há algum tempo, na verdade ele tem que ser dado todo dia, tododia. Então coragem, coragem e coragem. Demoro um tempo pra eu aprender que eu não sou obrigada a agradar todo mundo, sabe, eu não sou obrigada, tenho minha opinião bem crítica sobre a sociedade em geral, sobre esse sistema maluco e até sobre eu mesma e vou exprimi-la. Eu não quero discussão, pois se discute quando se quer provar algo e convencer o seu interlocutor. Não quero provar nada, não quero convencer ninguém (aprendi sobre dura provas que não se convence ninguém, a pessoa só muda por ela mesma e no tempo dela) quero apenas me expressar, por que isso me faz bem. Toda vez que escrevo um texto é um peso a menos nas minhas costas.

Nenhum comentário: